A água quente não é sua amiga

Tempo de leitura: 2 minutos

A gente ama um banho quente e relaxante, mas infelizmente ele é um grande vilão para a saúde de nossa pele e dos nossos cabelos.

Foto criada por: Freepik

Depois de um dia cheio, tudo o que queremos é chegar em casa, tirar o salto alto e entrar de cabeça em um gostoso banho quente e relaxante, não é mesmo? Nos dias mais frios então, só ele que salva. Entretanto, infelizmente esse hábito não é o mais saudável para a saúde da nossa pele e dos nossos cabelos. Nossa pele possui diversas estruturas, e para manter um bom funcionamento, elas precisam estar sempre em equilíbrio. Quando ocorre alguma desordem, temos uma alteração nas estruturas protetoras, deixando a nossa cútis vulnerável para certas enfermidades e problemas. 

A barreira cutânea é a responsável por essa proteção. Ela funciona como uma espécie de armadura sobre a nossa pele, protegendo-a contra a desidratação, proliferação de fungos e bactérias e até infecções. Também age como um mecanismo de defesa, evitando que fatores externos, tenham acesso à nossa pele. E é responsável pela escolha e regulação do pH da nossa cútis. Quando tomamos banhos com a temperatura da água elevada, removemos o óleo natural de nossa pele, e com ele, a nossa barreira protetora. Isso vale também para a pele do couro cabeludo, deixando-a mais sensível e causando o famoso e indesejável efeito rebote.

Principais efeitos negativos causados pelo banho quente

  • Desidratação e por consequência ressecamento e até descamação da pele;
  • Efeito rebote. Como retiramos a oleosidade natural, o nosso corpo entende que precisa produzir mais óleo e acaba fazendo isso em excesso;
  • Com essa produção extra de óleo, acaba ocorrendo uma combinação que possui um resultado indesejado em nossa pele: a dilatação dos poros. Deixando eles mais visíveis e difíceis de disfarçar;
  • Quem sofre de dermatite deve evitar banhos quentes, pois estes fazem com que o quadro piore muito, sensibilizando ainda mais a pele;
  • Nossos fios também são muito afetados por essa alta temperatura. No couro cabeludo ela causa ressecamento e também sofre com o efeito rebote, deixando a raiz mais oleosa;
  • Já no comprimento do cabelo, a água quente abre as cutículas e fazem com que o fio perca o brilho e fique fraco e até quebradiço;
  • Em casos mais severos, pode causar desde dermatite seborreica até o aparecimento de caspa.

 

Mas calma, não precisa também ser mega radical e só tomar banho frio, mesmo este sendo muito benéfico para a nossa saúde, pois estimula a vasoconstrição, que age na diminuição da irritação e vermelhidão da nossa pele, principalmente em quem sofre de dermatite. Ela também ativa a circulação sanguínea e faz com que a nossa pele fique com um viço muito bonito. 

Uma alternativa é investir em banhos mornos, e assim que finalizar o banho, tome uma chuveirada por 10 segundos com água fria. E uma dica amiga, sempre que for lavar o rosto, faça isso usando água gelada, pois além de ser o ideal para a nossa pele, ela também ajuda a diminuir o tamanho dos poros.


Fontes: